O objetivo é movimentar-se em níveis “labirínticos” fechados, recolhendo pontos moedas e estrelas pelo caminho até à saída, enquanto se desvia - claro - de algumas armadilhas e inimigos.

Um outro aspecto que pode dificultar a missão, é que os movimentos do viajante, controlados pelo swipe que fazemos no ecrã, são “a direito”, ou seja, não é possível mudar de direção a meio do caminho, o que exige rapidez e antecipação na leitura do percurso.

Há itens que podem aprimorar ajudar a ultrapassar os obstáculos que pode ir comprando com os pontos que acumula ou com a visualização de publicidade, como escudos, energia ou mesmo duplicadores de pontuação.

Tomb of the Mask tem então versão gratuita com anúncios, além da versão Premium paga. Está disponível tanto para Android como para iOS.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.