O site da ONG Avaaz.org resolveu avançar com uma petição online contra a retaliação à revelação dos dados do WikiLeaks. Segundo os promotores, se a equipa do WikiLeaks infringiu alguma lei, devem ser levados à justiça comum, e não a um julgamento extra-judicial.

Segundo o site, a campanha contra o WikiLeaks é errada, perigosa e compromete o Estado de Direito. "Nós pedimos o fim da perseguição ao WikiLeaks e aos seus parceiros imediatamente. Pedimos o respeito pelos princípios democráticos e as leis de liberdade de expressão e de imprensa", diz o site.

A ferramenta está online há pouco mais de 24 horas. O objectivo do Avaaz.org é conseguir um milhão de assinaturas numa semana. Para já atingiu as 315 mil assinaturas.

Fonte: Terra

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.