A LG afirmou que os dispositivos, produtos e serviços da linha ThinQ "vão ter a habilidade de utilizar deep learning e de se comunicarem uns com os outros, utilizando uma variedade de tecnologias de inteligência artificial de outras parceiras da LG, além da própria tecnologia de IA, DeepThinQ”, pode ler-se em comunicado.

A aposta da empresa na IA começou a estabelecer-se na CES 2017, quando foi anunciada a tecnologia DeepThinQ, criada para ser usada em eletrodomésticos inteligentes, e com a abertura, em junho, de um laboratório de IA em Seul.

Han Chang-hee, diretor do centro de marketing global da LG, afirmou que, sendo a IA a ”próxima fronteira da tecnologia”, a empresa tem a “responsabilidade de a tornar mais acessível e menos intimidante".

A empresa não adiantou muitos mais detalhes em relação a esta novidade, mas revelou que vai estar, novamente, presente na Consumer Eletronic Show 2018 (CES). O evento acontece de 9 até 12 de janeiro em Las Vegas, EUA.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.