Um investigador de Harvard resolveu criar um mapa, recorrendo ao Google Earth, onde apresenta a localização geográfica de todos os sites espelho do WikiLeaks.

A iniciativa partiu da curiosidade de Laurence Muller, um investigador de Harvard que quis identificar a localização geográfica dos mais de mil sites que resolveram ser espelhos do WikiLeaks original, desde que este começou a ser atacado para evitar a publicação de mais documentos.

De acordo com o investigador, o projecto foi feito a partir de um script PHP onde conseguiu reunir os primeiros 1334 URLs utilizados para espelhar o WikiLeaks.

Com este script Laurence Muller utilizou o programa GeoLite City, uma base de dados gratuita com informação de geolocalização, para ligar os URLs à sua localização geográfica.

Juntando esta informação, o investigador converteu-a em KML, um formato utilizado para criar modelos geográficos para incluir no Google Earth.

O resultado foi um mapa interactivo onde é possível encontrar a localização de todos os sites espelho do WikiLeaks.

No site de Laurence Muller é também possível encontrar um vídeo com as imagens do mapa.

Fonte:SOL

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.