A Huawei lançou a edição 2019 do P Smart Z projetado para utilizadores estudantes e jovens profissionais. O smartphone foi desenhado com um toque moderno, apostando num design sem moldura, escondendo a câmara selfie num mecanismo de pop up. Chega ao mercado em duas cores, azul e preto, por um preço de 259,99 euros.

O smartphone é alimentando por um processador octacore Kirin 710F e o sistema operativo Android com EMUI 9. O dispositivo tem uma bateria de 4.000 mAh, 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento interno, suportando um microSD até 1 TB.

O dispositivo tem um ecrã Full HD, com uma resolução 2340x1080, com uma densidade de pixéis a 391 PPI, com a fabricante a realçar a experiência visual rica e vibrante da sua gama de cores. O smartphone pretende também oferecer maior conforto visual, filtrando a chamada luz azul que é nociva, e desta forma mitigar o cansaço e fádica ocular.

Relativamente às câmaras, o sensor frontal selfie de 16 MP é ativado em pop up em um segundo, utilizando um motor e um sistema de elevação produzido pela Huawei, que garante 100.000 repetições sem ficar danificada. O smartphone tem ainda um mecanismo de emergência, que deteta quedas e retrai automaticamente a lente para evitar danos.

Na traseira, o dispositivo está equipado com um sistema de câmara dupla, uma de 16 MP com uma abertura f/1.8, capaz de obter mais 50% de luz. O sensor de 2 MP complementa a principal para criar efeitos de profundidade.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.