A pensar nos mais novos que estão a estudar em casa devido à pandemia de COVID-19 a Google decidiu incluir novas “lições virtuais” na funcionalidade de pesquisa com realidade aumentada para smartphones. Os utilizadores podem, por exemplo, navegar por modelos em 3D do corpo humano, explorar a composição das células e até descobrir os mistérios do fato de astronauta de Neil Armstrong.

Em colaboração com a Biodigital, uma empresa especializada em software 3D interativo, as novas funcionalidades permitem explorar representações em tamanho real de 11 sistemas do corpo humano. A Google explica que, com elas, miúdos e graúdos poderão também clicar nas diferentes etiquetas para ficar a aprender mais sobre determinadas partes do corpo.

A gigante tecnológica juntou forças com a Visible Body, uma empresa na área das representações realistas do corpo humano, para criar modelos 3D interativos de células de animais, plantas e bactérias. Basta apenas fazer zoom para perceber o que se passa no interior dos organismos.

Com as medidas de isolamento implementadas por governos em todo o mundo, ir a um museu tornou-se uma tarefa complicada. No entanto, com a funcionalidade de pesquisa com realidade aumentada, a sala de estar pode ser facilmente transformada num museu para ajudar os mais novos a descobrir o passado.

[caption]Google AR| Neil Armstrong[/caption]

créditos: Google

Mas não é tudo: a Google indica que a todos os smartphones Android compatíveis com a tecnologia de realidade aumentada chegam também funcionalidades que permitem partilhar mais facilmente todas as aventuras de aprendizagem virtuais.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.