Em declarações à imprensa durante a abertura da campanha ‘’Resgate ao combate do trabalho infantil nos mercados’’ realizado na Baia, município de Viana, o responsável informou ter sido efectuado uma campanha de sensibilização para se conseguir retirar os menores do sistema de vendas.

Por seu turno, o secretário de Estado do Trabalho e Segurança Social, Jesus Moreira, que presidiu ao acto, defendeu a responsabilização criminal  aos mentores que facilitam a prática deste serviço infantil nos mercados informais.

Para o responsável, o ordenamento jurídico angolano deve começar a criminalizar as pessoas, bem como  as instituições que orientam as crianças ao trabalho infantil.