Em declarações à Angop, o porta-voz da corporação em Luanda, Nestor Goubel, informou que a acção ocorreu quando uma patrulha se dirigia a uma rua da circunscrição onde os marginais realizam assaltos de viaturas e motorizadas à mão armada.

“Ao chegarem no local, por volta das 22 horas, os marginais surpreenderam a patrulha da polícia, abrindo fogo contra os nossos efectivos, tendo o malogrado sido alvejado e acabando por perder a vida no local”, disse.

Há 23 anos na corporação, Manuel Luenda deixa viúva e cinco filhos.

Com mais de cinco mil habitantes, o bairro da Boa Fé, localizado na divisão entre Viana Cacuaco, é caracterizado por altos índices de assaltos à mão armada em residências e em estabelecimentos comerciais.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.