O crude do mar do Norte, de referência na Europa, concluiu a sessão no International Exchange Futures a cotar 1,13 dólares acima dos 41,97 com que fechou as transações na quarta-feira.

O comportamento do preço foi influenciado, segundo analistas, pela evolução do mercado de trabalho nos EUA.

Em junho, o desemprego baixou na principal economia mundial, o que permite antecipar um aumento do consumo de petróleo.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.