Entretanto, nas ruas, kinguilas, os vendedores no mercado paralelo, dizem que os bancos nunca têm dólares, enquanto o professor universitário Carlos Rosado de Carvalho adverte que o país tem de produzir para conseguir divisas.

Ouça a reportagem:

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.