A variação homóloga do mês de Abri l de 2018 e Abril deste ano foi de 17,17%, registando um aumento de 1,60 pontos percentuais (pp), de acordo com o relatório do Instituto Nacional de Estatística (INE), a que  Angop  teve  acesso hoje.

Durante o mês de Abril  deste  ano, os preços dos produtos nacionais aumentaram em 1,56%, em comparação com os preços do mês de Abril de 2018.

A secção B, relacionada às pescas, foi  a que maior aumento de preços registou com 2,00%.

Os produtos que tiveram maior variação de preços neste grupo foram o peixe espada fresco com 2,61%, a corvina com 2,43%, garoupa com 2,41%, sardinha com 2,38%, pescada com 2,10%, cacusso com 2,08%, entre outros.

Quanto  aos  produtos  importados, durante o mês de Abril, os preços dos produtos importados tiveram um aumento de1,34%, uma  subida  influenciada  com  a  variação de preços verificada na secção A, ligada à agricultura, produção animal, caça e silvicultura, com 1,60%.

Os produtos que mais aumentaram de preços foram a  ginguba com 3,40%, o limão com 3,35%, a pêra com 2,80%, o milho em grão com 2,60%, feijão castanho com 2,53%, uvas frescas   com 1,94%, maça com 1,89%, laranja com 1,60%, batata rena com 0,62%, tomate com 0,53%, abóbora com 0,30% e alho com 0,29%.

O relatório do Índice de Preços  Grossista  refere  ainda que a variação acumulada dos produtos importados de Abril de 2019 foi de 5,37%.

Ainda de acordo com o documento, os produtos  nacionais  e  importados  registaram, em Abril deste ano, uma  inflação global  na  ordem dos  1,39%, sendo os produtos importados a que maior contribuição tiveram com 1,06 pp ou seja  76%, seguido dos produtos nacionais com 0,33 pp, correspondendo a  24%  do valor da inflação  global.

A  inflação dos produtos nacionais em Abril de 2019 foi de 1,56%, de acordo com o relatório do INE.

A indústria  transformadora (secção D) teve uma  variação de 0,97pp,  sendo  a que mais contribuiu neste aumento.

Os produtos que mais contribuíram foram  a gasosa com 0,44pp,  o cimento  com 0,21pp, a cerveja  com 0,15 pp, sabão em barra e vinho com 0,02 pp cada, detergente em pó, carne de vaca com 0,01pp cada, entre os principais.

Enquanto isso,  a   inflação dos produtos importados em  Abril de 2019 foi de 1,34%.

Com  1,29 pp, a indústria transformadora foi a que mais contribuiu para a variação de preços dos produtos importados.

Os produtos que mais contribuíram foram a carne de porco com 0,26pp, cerveja com 0,09pp, frango congelado com 0,08 pp, leite em pó com 0,07pp, fuba de milho e miudezas com 0,05 pp, entre outros.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.