O governante que quer a partiçipação da maioria dos agentes económicos da região na "expo" de forma a transformar-lá no maior evento de negócio da região, anunciou igualmente a possivel realização durante o mês de Outubro de um fórum económico que vai congregar várias entidades nacionais.

Aventou, por outro lado, a necessidade do governo central prestar mais apoios a classe empresarial da província e não só, com vista a se erradicar as assimetrias regionais que se verificam no âmbito do desenvolvimento social e económico.

O empresário Bento Cangamba referiu que a  realização da expo Moxico poderá constituir uma grande oportunidade de negócio e o estabelecimento de parcerias entre os empresários locais e o de outras regiões do país.

Já o empresário Augusto Jesus ligado a agro-pecuária e comércio-misto,  pretende associar-se aos empresários da vizinha República da Zâmbia, para desenvolverem as suas potencialidades.