Segundo o documento distribuído no segundo dia da 32° Edição da feira, Angola é já um mercado importante para Alemanha na África Subsariana, sendo atractiva para investidores daquele país.

"Concedemos garantias de crédito à exportação e de investimentos,  bem como outros tipos de apoio através do Escritório da delegação da economia alemã em Luanda ou dos representantes regionais da Germany Trade and Invest", lê-se na nota.

Segundo ainda o comunicado, Angola encontra se em pleno despertar económico e continua apostar na diversificação da sua economia.

Se reporta na documento o interesse das empresas alemãs numa cooperação a longo prazo e prometendo oferecer produtos de qualidade elevada e durabilidade.

Esta quarta-feira na Feira Internacional de Luanda, que arrancou na terça-feira, foi dedicada à Alemanha, que participa com 27 empresas ligadas a vários sectores.

O dia foi ainda dedicada à operadora de telefonia móvel Unitel e à África do Sul.


Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.