O selo FILDA 30 anos é o símbolo do contributo da FILDA para o desenvolvimento de Angola, um elemento que perdura, intemporal que se assume como património nacional.

A relação FILDA/ Correios de Angola tem sido cada vez mais estreita, conforme explicou Maria Luísa Andrade, PCA dos Correios de Angola (CA), que, na cerimónia de assinatura do Memorando, mostrou grande satisfação, pois este protocolo representa a "boa relação" entre as duas entidades.

"Estamos a formalizar uma troca de serviços entre os Correios de Angola que vão apoiar os serviços da FILDA, que em contrapartida vai ceder-nos um espaço para expormos na FILDA", explicou.

Haverá ainda um apartado que os CA passarão a disponibilizar um apartado de correspondência nacional e internacional, para "melhor a qualidade do serviço da FILDA, na relação com parceiros, clientes, expositores", acrescentou Matos Cardoso, PCA da FILDA.

Para Matos Cardoso a parceria com os CA contribuiu muito para o crescimento da FILDA.

"Vamos estabalecer correspondência com maior segurança. Os resultados virão a seu tempo e a dinâmica demonstrada pelos Correios de Angola indica que vamos ambos crescer", continuou.

A nova colecção filatélica vem não só presentear a maior bolsa de negócios angolana, como também os CA, que comemoram igualmente 30 anos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.