A informação foi dada hoje (terça-feira) à Angop, pelo director do referido Gabinete, Fernandes Cristóvão, tendo realçado que das irregularidades destaca-se o ajustamento de clientes, não uso de máscaras, entre outras, incluindo exercício ilegal da actividade.

Fez saber que o Gabinete de Inspecção de Malanje está a trabalhar na emissão de multas aos estabelecimentos, acrescentando que, diante disso, as acções de fiscalização realizadas regularmente pela sua instituição vão prosseguir durante a vigência da pandemia, a fim de estimular o cumprimento das medidas de biossegurança nos estabelecimentos hoteleiros e similares.

O responsável fez saber que há condições de biossegurança e o cumprimento de outras medidas previstas no Decreto Presidencial sobre a Situação de Calamidade Pública nas unidades hoteleiras da província.

“Não temos registos de anomalias, por isso os cidadãos podem frequentar os hotéis em Malanje, com segurança, embora se exija a prevenção e cumprimento de todas as medidas”, frisou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.