Cerca das 08:55 em Lisboa, as bolsas de Londres e Paris e Frankfurt avançavam 1,51% e 1,65%, respetivamente, bem como as de Madrid e Milão, que subiam 2,16% e 1,36%. Frankfurt está fechada devido à segunda-feira de Pentecostes.

Depois de ter aberto em alta, a bolsa de Lisboa mantinha a tendência e, cerca das 08:55, o principal índice, o PSI20, subia 1,77% para 4.407,32 pontos.

Além da reunião de política monetária do BCE, os mercados aguardam a intervenção do presidente norte-americano, Donald Trump, sobre as relações do país com a China devido à situação em Hong Kong.

Trump anunciou que imporá sanções a alguns cidadãos chineses e que ordenou a Washington para “eliminar as exceções que dão a Hong Kong um tratamento diferente e especial” em relação à China, incluindo os benefícios alfandegários.

Na sexta-feira, a bolsa de Nova Iorque terminou com o Dow Jones a descer ligeiramente (-0,07%) para 25.383,11 pontos, contra 29.551,42 pontos em 12 de fevereiro, atual máximo desde que foi criado em 1896.

Em sentido inverso, o Nasdaq fechou a subir 1,29% para 9.489,87 pontos, contra o atual máximo de 9.817,18 pontos em 19 de fevereiro.

A nível cambial, o euro abriu hoje em alta no mercado de câmbios de Frankfurt, a cotar-se a 1,11 dólares, mais 0,36% que na sexta-feira.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.