Segundo informa a nota de imprensa enviada ao SAPO, esta nova dependência bancária, está inserida no programa de expansão do Banco, que até ao final de 2020 vai aumentar a sua rede de Agências.

Para a intituição bancária, a abertura desta agência representa um importante momento socioeconómico, pois o Banco Yetu espera contribuir para o desenvolvimento e crescimento da região, através da criação de emprego directo e indirecto; da criação de parcerias importantes e pertinentes, para o desenvolvimento da região;  e a disponibilização de produtos e serviços financeiros importantes, para que empresas e particulares desenvolvam as suas actividades de forma competitiva.

"No Banco Yetu apostamos no crescimento sustentável e efectivo. Por isso priorizamos a capacidade real da instituição para o desenvolvimento de produtos e serviços adequados ao mercado e ao momento socioeconómico; ao mesmo tempo apostamos nas relações de proximidade, para atender às necessidades de cada um de forma individualizada e focada em necessidades especificas. Esperamos que a agência do Huambo, contribua significativamente para o desenvolvimento de projectos importantes na região", disse Eduardo Severim de Morais, Presidente do Conselho de Administração.

A mesma nota informa ainda que, o desenvolvimento de produtos e serviços adequados, a par da implementação de agências em sede de província, permite um maior apoio às empresas, não só na disponibilização de crédito, mas também na disponibilização de informação técnica importante, para o desenvolvimento das actividades financeiras das várias empresas. O Banco Yetu apoia no aconselhamento jurídico, contabilístico e financeiro, para ajudar a estruturar as organizações e promover a viabilidade dos projectos e planeamento estratégico dos mesmos. Este apoio é uma enorme ajuda para os empreendedores e paras as empresas que estão a começar a sua actividade.

Paulo Fontes, Presidente da Comissão Executiva do Banco Yetu, explica que “a proximidade com as regiões; a disponibilização de crédito às empresas, que permita aumento da produção; o crédito às famílias, que permita a aquisição de bens, produtos e serviços; e acima de tudo a criação de emprego directo e indirecto; e a bancarização e inclusão financeira de todos, são importantes passos a dar para que o desenvolvimento das empresas e das pessoas seja efectivo.

O evento de inauguração teve lugar na passada sexta-feira, na nova agência do Banco Yetu, localizada na Esquina da rua da Guiné com a rua Vicente Ferreira, na Cidade Baixa, no Huambo, onde estiveram presentes a Governadora Joana Lina Ramos Baptista em representação do Governo provincial; Administrador da Administração Municipal, João Figueiredo; Rosalina Lopes, Delegada em exercício da Delegação Regional do BNA; João Bastos Delegado da Delegação provincial do Ministério das finanças e Eduardo Severim de Morais, Paulo Fontes, Sebastião Manuel, Hailé da Cruz, Eurico Kamutenga, João Ferreira e Fernando Vunge, membros do Conselho de Administração do Banco Yetu.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.