O técnico espanhol ao serviço do Petro de Luanda mostra-se confiante na equipa, tranquiliza os adeptos e considera normal os mesmos exigirem a concretização dos objectivos traçados nesta época 2019/2020.

“Nós estamos a lutar para atingir os objectivos que desejamos. Um clube com a dimensão do Petro, os adeptos têm de ser exigentes e é normal que não estejam satisfeitos com os resultados negativos”, realçou.

Cosano aplaude também os adeptos pelo facto de apoiarem a equipa petrolífera nos bons e maus momentos e espera-os em massa nos próximos jogos do Girabola Zap.

Elogiou também o desempenho dos seus jogadores que nesta altura trabalham motivados no Campo do Catetão com os principais focos no campeonato e na Liga dos Clubes Campeões de África.

Recorde-se que nesta última prova, a equipa do espanhol eliminou o Kampala City do Uganda ao empatar sem golos em Luanda e a uma bola naquele país, em jogos da primeira e segunda mão da última eliminatória.

Nesta altura, o técnico antevê dificuldades nos jogos da fase de grupos da Liga dos Campeões mas acredita que a sua equipa poderá alegrar novamente os adeptos, sócios e dirigentes do clube.

Contudo, espera mais atitude, entrega, determinação e finalização por parte da sua equipa, uma vez que quer melhorar as últimas classificações naquela competição africana.

Cosano tem contrato com o Petro até o fim da época 2019/2020. O técnico substituiu o hispano-brasileiro, Beto Bianchi, em Março de 2018, após deixar os escalões de formação do clube.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.