O atleta do 1.º de Agosto, Eduardo Mingas, disputa o último Mundial de Basquetebol da sua carreira profissional de 19 anos, que decorre na República da China até ao dia 15 deste mês.

Nesta maior montra da modalidade, o internacional joga com a missão de ajudar o combinado a conseguir pelo menos a vaga para os Jogos Olímpicos de Tóquio, que acontecem no Japão.

Quanto ao fim de carreira, não revelou a data prevista nem sequer a nova actividade que vai abraçar, mas defendeu que a aposta seria na formação de jogadores para potencializarem a futura selecção sénior.

“Se fizerem isto, acredito que teremos muitos jogadores à altura e que poderão assumir as responsabilidades da selecção nos futuros compromissos africanos e mundiais”, salientou o extremo poste que mede 1,98 metro de altura.

Mingas começou a carreira na sua terra natal, em Saurimo, província da Lunda Sul. E consequentemente representou as equipas séniores do Petro de Luanda, Interclube, Libolo, além da Selecção Nacional.

Em termos de conquistas, o atleta soma 43 títulos, sendo 34 colectivos e nove individual, em competições nacionais e internacionais.

Sabe-se também que a um dos campos multiusos da cidade de Saurimo será atribuído o nome deste veterano do basquetebol angolano e africano, considerado como o ícone  da modalidade naquelas paragens.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.