Os compatriotas reconhecem as qualidades do atleta de 26 anos de idade e esperam que o mesmo consiga impor-se na sua futura equipa a fim de conservar o bom-nome do clube de origem e do país.

Entretanto, o comentador para o futebol da Rádio Cinco, Amado Jorge, defende que o internacional tem tudo para evoluir em outros campeonatos de referência mas aconselhou-o a mudar em alguns aspectos.

“O Ary Papel tem muita potencialidade. Mas precisa saber que para projectar a sua carreira, que é o ganha pão, tem que admitir que em alguns aspectos não tenha sido correto e deve mudar”, aconselhou.

Para o atleta brilhar na referida equipa egípcia da primeira divisão, o comentador convida também o empresário do mesmo a fazer correções. “Normalmente os atletas respeitam muito os seus empresários, tem-no como pai ou padrinho. Então chamo este senhor para trabalhar 'a cabecinha' de Ary do ponto de vista psicológico e disciplinar. Isso será fundamental para a sua rápida adaptação e evita-se que ele desperdice mais esta oportunidade”, apelou.

Amado Jorge sabe que o Zamalek é um clube que luta pelos títulos da Liga Egípcia, taça daquele país, Supertaça e Afrotaças. Com isto, espera que Ary consiga escrever o seu nome em papel de luxo naquelas provas.

“Ele deve ser um jogador muito produtivo. Tem que mostrar aquilo que sabe fazer. Se não puder marcar que seja o ‘rei’ das assistências e poderá jogar quantos anos quiser no Zamalek”, concluiu.

Por sua vez, o também comentador para o futebol, Joaquim Sapi, aconselha Ary Papel a comportar-se como atleta de referência.

“Ele tem que saber que vai jogar num clube diferente e bastante exigente daqueles que estamos acostumados em Angola, onde o atleta traz a claque do bairro. Muitas das vezes o avançado já está na área, mas ele prefere pedalar para depois cruzar a bola. Acredito que no 1.º de Agosto tem pessoas que conversam com Ary e se seguir os conselhos poderá triunfar no Zamalek”, prosperou.

Sapi pede também ao internacional para dar bons exemplos aos atletas mais novos da Cidade Desportiva do 1.º de Agosto, principalmente a aqueles que se inspiram nele.

De salientar que Ary Papel ainda é jogador do Sporting de Portugal. Jogou pelo Moreirense a título de empréstimo e faz o mesmo no 1.º de Agosto, clube que interviu para o atleta não jogar na segunda divisão.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.