Deste modo, o plantel tem atletas mais jovens do campeonato mas com a responsabilidade de cumprirem com as recomendações e exigências para merecerem a confiança do corpo técnico.

Esta informação foi confirmada pelo técnico principal do Interclube, Ivo Campos, que renovou o contrato recentemente com o clube por mais uma época.

“Contratamos atleta com caris técnico, táctico, que nós - a equipa técnica - apreciamos e achamos que podem ser mais valias.  Pretendemos acima de tudo ser corajosos com a média de idade dos atletas”, explicou o português.

Ivo Campos esclareceu também que nenhum dos reforços, tal como os antigos jogadores, têm a garantia de integrar o seu "11 ideal". Contudo, espera que todos se dediquem mais nos treinos e nos jogos de pré-época.

O técnico salientou que a sua equipa deverá demonstrar um futebol com mais qualidade e tentar melhorar o oitavo lugar do Girabola passado a fim de não atrasar-se na luta pelos três primeiros lugares do campeonato.

Além disso, reforçou que vão lutar também pela conquista da Taça de Angola.

Quanto às saídas e entradas de atletas mais experientes, Ivo Campos não fez comentários mas sabe-se que no seu plantel terá alguns rostos provenientes de outras equipas da primeira divisão.

Entretanto, para abrir as portas do Estádio 22 de Junho e avaliar o ritmo competitivo dos atletas nos treinos, o Interclube aguarda pelo 27 de Junho, dia em que vão retomar as actividades desportivas no país.

De salientar que este clube do Ministério do Interior compete na primeira divisão há mais de 30 anos. Não vence título no Girabola há dez anos, após sagrar-se campeão por duas vezes na sua história: em 2007 e 2010.

Além deste feito, na sua galeria de troféus constam três Taças de Angola e igual número de Supertaça, de acordo com o palmarés destas duas últimas provas.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.