Carlos da Rocha Cruz fez este apelo quando discursava na cerimónia de abertura do campeonato, no pavilhão multiuso “ welwitchia Mirabilis”, antes de salientar que os jogos representam um passo importante na criação de novas perspectivas para a construção de uma Angola unida, pacífica e livre de qualquer tipo de descriminação.

Pediu igualmente aos atletas para cultivar o espirito de compreensão mútua, fraterna, solidariedade e respeito pelo adversário, para que "no final não vença só a melhor equipa mas o Hóquei Patins em Angola.

À federação angolana de patinagem, o governante endereçou uma palavra de apreço por ter escolhido a província do Namibe para albergar mais um campeonato nacional da modalidade “visto que a realização de eventos com esta magnitude é sempre um incentivo para a juventude”.

Carlos da Rocha Cruz encorajou ainda as equipas que, apesar das dificuldades, se dignaram em prestigiar o campeonato nacional com a sua presença.

Participam neste campeonato o 1º de Agosto, Petro de Luanda, Exército, CPP Lobito, Académica de Luanda, Atlético do Namibe e o Ferroviário do Namibe.

Os jogos estão a ser disputados no sistema todos contra todos a uma volta.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.