Neste campeonato em que assinala o regresso à maior competição do futebol nacional, após despromoção na edição de 2017, os aviadores lograram já um triunfo, mas na condição de visitantes, em casa do Sporting de Cabinda, por 3-0.

Já com a integração do avançado Yano, ausente desde a ronda inicial por lesão, um triunfo dos "sambilas” significará o alcance do 1º de Agosto na segunda posição da tabela classificativa com sete pontos cada, em prova liderada pelo Petro (8/p).

Igualmente no sábado, o Recreativo do Libolo (11º/1p) joga com o Sporting de Cabinda (15º/1p), também às 15h00, na vila de Calulo, no último duelo do dia.

Esta ronda três do campeonato iniciou quinta-feira devido ao envolvimento dos “tricolores” e “militares” nas competições africanas.

O Petro de Luanda venceu o Saurimo FC por 1-0, no estádio 11 de Novembro, ao passo que o 1º de Agosto goleou o Atlético Sport Aviação por 3-0, nos Coqueiros.

No dia 27, o Petro de Luanda, vice-campeão nacional, evolui ante ao Orapa United, do Botswana, às 16h00, no Estádio 11 de Novembro, para a primeira - mão da preliminar da 16ª edição da Taça Nelson Mandela.

Já o 1º de Agosto, campeão nacional, recebe dia 28 o AS Otoho do Congo, para a primeira - mão da preliminar da 23ª edição da Liga dos Clubes Campeões Africanos de Futebol.

Complemento da jornada (Domingo)

Académica do Lobito - Sagrada Esperança (15h00, no Estádio do Buraco)

Desportivo da Huíla - Kabuscorp do Palanca (15h00 no Estádio do Benfica)

Santa Rita de Cássia - FC Bravos do Maquis (15h00, no Estádio Municipal 4 de Janeiro)

Cuando Cubango – Interclube (15h00, no Estádio dos Eucaliptos)