Segundo o técnico, à imprensa, no final do encontro, o Interclube teve oportunidades para fazer golos durante os 90 minutos, mas devido a ineficácia dos seus jogadores a equipa não marcou qualquer tento, no tempo regulamentar.

Referiu que na marcação das grandes penalidades os atletas do Interclube foram competentes e conseguiram superaram o adversário.

Informou que a direcção do clube da "polícia" vai continuar a envidar esforços para encorajar os jogadores a obterem mais vitórias nos próximos jogos da Taça de Angola, no sentido de chegarem à final desta competição.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.