Na partida da segunda “mão” disputada no Estádio dos Coqueiros, as duas equipas entraram bem ofensivamente, com algumas oportunidades, mas não foram eficazes na finalização, pelo menos até aos 40 minutos de jogo, quando o d'Agosto inaugurou o marcador, por Ary Papel, na cobrança de um penalte.

O Desportivo ainda tentou a igualdade antes do intervalo, mas as investidas de Sidney e Yuri à baliza de Tony Cabaça não resultaram, tendo os agostinos ido aos balneários em vantagem.

No reatamento, foram os "forasteiros" quem se manifestaram mais ofensivos, dominavam o meio campo do adversário, mas continuaram sem acertar as oportunidades criadas.

Em resposta, o 1º de Agosto, tranquilo, aumentou a vantagem aos 87 minutos, por Leonel Yombi.

O avançado camaronês (Leonel Yombi), reforço desta época, fixou o placar em 2-0, tirando assim a possibilidade de a sua ex-equipa (Desportivo da Huíla) conquistar o troféu. Os huilanos ganharam o jogo da primeira-mão, no Lubango, sexta-feira última, por 1-0.

A partida serviu também para a despedida do árbitro internacional António Caxala e o auxiliar José Chilias, que deixam a actividade.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.