O Festival Nacional de Xadrez inicia-se amanhã a partir das 9h00 naquela instalação, na qual vão competir mais de 15 equipas dos escalões de cadete, juniores e seniores em ambos os sexos.

A prova contará com a participação de dezenas de xadrezistas de diversas províncias do país, entre os quais alguns sonantes com os títulos de Mestre FIDE.

Entretanto, a província anfitriã  Namibe  estará representada na prova com quatro equipas, o mesmo número para a Huíla.

Já a província do Huambo vai competir com duas equipas, assim como Luanda, uma das candidatas aos títulos que estará representada com o 1.º de Agosto e o Atlético Sport Aviação (ASA).

De acordo com o presidente da Associação Provincial da Modalidade local, Eduardo Aleluia, estão garantidas as condições necessárias para este evento organizado pela instituição que dirige em parceria com a Federação Angolana da Modalidade.

O dirigente revelou também que têm o apoio do Governo Provincial do Namibe. Mesmo assim, mostrou-se insatisfeito: “Infelizmente, o Governo não nos cedeu os apoios que precisávamos. Internamente, temos vindo a articular-nos com a Direcção Provincial de Turismo, Juventude e Desporto”, realçou.

Aleluia avançou que a comissão organizadora está a fazer tudo para que o evento decorra com sucesso naquela região do país, também conhecida como a terra da planta rara Welwitschia Mirabilis, o polvo do deserto.

Quanto aos prémios, o responsável não fez comentários relativamente a dinheiro, mas afirmou que estão garantidos os troféus para os melhores classificado.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.