Orçado em AKz 100 milhões, o recinto terá capacidade para mais de 800 espectadores.

O espaço, localizado no bairro da Tchivanda, comuna sede do município do Quipungo, está a ser implantado numa superfície de 20.680 metros quadrados.

Em recentes declarações à Angop, a administradora local, Maria Amélia Casimiro, afirmou que a obra em curso será concluída no final deste ano.

Referiu que o projecto arquitectónico contempla um edifício público com duas casas de banho, um balneário, assim como bancadas especiais.

O município de Quipungo tem uma população estimada em 190.671 habitantes, sendo o futebol a modalidade mais praticada, factor que contribuiu para a reabilitação e arrelvamento de um dos 11 campos da circunscrição.

Este campo "pelado", existente desde 1975, sofreu a primeira intervenção em 2010, que culminou com a modificação da sua estrutura inicial.

Não tendo sido a obra terminada, na altura sob responsabilidade da então Direcção Provincial da Juventude e Desportos, surgiu agora a necessidade de conclusão do projecto, incluindo a colocação de relva.

Ainda no capítulo desportivo no âmbito do PIIM, a província da Huíla prevê a construção de quadras polidesportivas até 2021 para a prática da disciplina da educação física, bem como para contribuir para o desenvolvimento do desporto escolar.

Tais recintos desportivos fazem parte de um projecto de edificação de 32 escolas do ensino primário e do II ciclo em vários municípios.

Trata-se do Lubango (sete), Humpata (quatro), Jamba e Matala (três cada), Caluquembe, Chibia, Cuvango, Gambos, Quilengues e Quipungo (duas cada), Cacula, Caconda e Chipindo (com uma cada).

O PIIM para a província da Huíla está avaliado em 41 mil milhões, 404 milhões, 32 mil e 148 kwanzas, sendo que  mil milhões, 714 milhões e 548 mil e 810 kwanzas estão destinados ao município de Quipungo.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.