O político fez estas declarações quando se despedia dos militantes do planalto central, aos quais serviu como secretário provincial durante nove anos (2010 – 2019), depois de ter sido designado, recentemente, como presidente do Grupo Parlamentar da Unita.

Actualmente, admitiu, os militantes da Unita andam a vontade em todos os lugares da província sem estarem expostos a qualquer perigo, ou seja, já não correm risco de intolerância política.

“A província do Huambo foi o bastião da intolerância política e do medo, a nível do país, mas tornou-se, nos últimos anos, numa região tranquila, pacífica e segura”, enfatizou o também deputado, reafirmando, deste modo, o compromisso da organização partidária na promoção da cultura de paz e da unidade e reconciliação nacionais.

Noutra parte das suas declarações, Liberty Chiyaka orientou os militantes no sentido de apoiarem, com toda dedicação, empenho, comprometimento e responsabilidade, o próximo secretário provincial, a ser empossado nesta terça-feira (26), pelo líder do maior partido da oposição em Angola, Adalberto Costa Júnior, eleito durante XIII Congresso Ordinário, decorrido de 13 a 15 deste mês.

Referiu que os principais desafios da Unita têm a ver com a consolidação do Estado democrático e de direito, a reforma do Estado, com a descentralização administrativa e política, através das realizações, em 2020, das eleições autárquicas em simultâneos nos 164 municípios do país, a revisão da Constituição da República, a reforma do sistema económica, a revisão da Comissão Nacional Eleitoral e a alteração no âmbito do Registo Eleitoral.

Entre os desafios, referiu Liberty Chiyaka, constam ainda a dinamização das estratégias de combate à corrupção e crimes conexos, como prioridade absoluta, insistindo, por este facto, na necessidade da Assembleia Nacional fiscalizar as acções do Executivo, bem como na criação da Comissão Parlamentar de Inquérito à divida pública.

Nas últimas eleições gerais de 23 de Agosto, a Unita obteve, na província do Huambo, 213 mil e 858 votos, tendo eleito dois, dos cinco deputados previstos: Liberty Marlin Dirceu Samuel Chiyaka e Eduardo Dumbo Delfino.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.