O grupo pertencia ao antigo vice-presidente Manuel Vicente e aos generais Leopoldino Fragoso do Nascimento “Dino” e Manuel Hélder Vieira Dias Júnior “Kopelipa”, todos homens próximos do antigo Presidente José Eduardo dos Santos.

Esta ação insere-se na operação de recuperação de investimentos feitos com dinheiro público em projetos privados de dirigentes do regime.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.