“Satisfaz-me constatar nesta data memorável da vossa nação que o histórico das relações entre os nossos dois países tem um registo de acontecimentos de alto significado, que se foram sucedendo de forma progressiva até alcançarmos os patamares atuais de um expressivo nível de entendimento mútuo, que nos tem permitido desenvolver ações de cooperação nos mais diversos domínios, com impacto positivo na vida interna da República de Angola e dos Estados Unidos da América e em aspetos sensíveis de caráter global”, escreveu João Lourenço na mensagem a Donald Trump.

“Tenho a convicção de que existe entre os nossos dois países um vasto campo de cooperação bilateral e de intervenção nas economias de ambos os lados a ser explorado, de forma a que disso resultem benefícios relevantes para a concretização de interesses recíprocos que favoreçam a realização dos grandes objetivos das nossas nações”, acrescentou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.