Pelo menos seis pessoas morreram hoje na sequência de um atentado suicida perpetrado em Mogadíscio, no exterior do gabinete do primeiro-ministro Abdi Farah Shirdon Said, disse à AFP um responsável militar somali.

“Houve um ataque suicida à bomba em frente do gabinete do primeiro-ministro” na capital somali, declarou o responsável, Abdukadir Ali, que se encontrava perto do local do atentado.

Abdi Farah Shirdon Said disse que viu os cadáveres de seis pessoas, e que várias outras pessoas ficaram feridas.

@Lusa

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.