A embarcação movida a motor e com capacidade para transportar quatro pessoas, trazia 13 passageiros acima da lotação, que tinham como destino a zona da Lucira, na província do Namibe.

A bordo também eram transportados 700 quilogramas de carga diversa, nomeadamente combustível, água, sal e uma arca com 110 blocos de gelo, informou fonte do Serviço de Proteção Civil e Bombeiros, em declarações à Televisão Pública de Angola.

Segundo a mesma fonte dos bombeiros, o mestre da embarcação, devido ao cansaço, entregou a direção da embarcação ao seu ajudante, que por sua vez, passou a outro marinheiro.

As buscas dos desaparecidos neste incidente, que ocorreu às 04:00 de hoje, a uma milha da localidade da Senga, que fica a 12 quilómetros a sul da sede da Baía Farta, vão continuar até à sua localização.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.