Uma nota do Departamento de Estado divulgada nesta quarta-feira, 5, revelou que em Luanda Pompeo vai avistar-se como Presidente João Lourenço e com o ministro das Relações Exteriores, Manuel Augusto, “para reafirmar o apoio dos Estados Unidos aos esforços anti-corrupção e democratização”.

O secretário de Estado americano vai também encontrar-se “com parceiros económicos e a comunidade empresarial para discutir a luta contra a corrupção e as crescentes oportunidades para o comércio bilateral e investimentos”.

A breve viagem de Pompeo a Angola, onde estará apenas algumas horas, enquadra-se num périplo que o vai levar à Alemanha, Senegal e, depois de Angola, à Etiopia país em que, para além de dirigentes etíopes, vai-se também avistar com entidades da União Africana.

Após a visita à Etiópia Pompeo deslocar-se-á ao Médio Oriente.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.