O jogador do Benfica Pedro Mantorras admitiu esta quarta-feira que continua a trabalhar para merecer uma oportunidade na equipa de futebol e garantiu estar apto para jogar e para “honrar a camisola” do clube.

“Treino todos os dias. Espero que chegue a minha hora de jogar, porque todos os jogadores gostam é de jogar. Como sempre disse, há-de chegar a hora do Pedro e só estou preocupado em honrar a camisola do Benfica”, disse o avançado do “encarnados”.

O jogador angolano falou aos jornalistas no Estádio do Restelo, onde assistiu ao encontro entre a “sua” Angola e o Uruguai, e garantiu estar apto para jogar, ao contrário do que tem sido dito.

“Quando fui campeão em 2005, também estava inapto. Todos os médicos diziam que o Mantorras não iria voltar a jogar futebol, mas fui campeão e fui decisivo nessa época”, realçou o número nove das “águias”, afirmando que, apesar de não ter realizado qualquer partida na temporada passada, continua a fazer parte do plantel.

A cumprir o último ano de contrato com o campeão nacional, o jogador diz que não está preocupado com a renovação, pois está apenas focado “em servir o Benfica e os sócios”, mas acabou por transparecer alguma tristeza com a actual situação que vive.

“Quer as pessoas queiram ou não, eu sou um símbolo do clube e respeito os adeptos do Benfica. Na altura certa vou falar sobre mais coisas. Agora só estou a trabalhar para jogar”, concluiu.

SAPO Desporto

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.