O Ministério das Finanças de Angola garantiu hoje que os salários dos funcionários públicos vão ser pagos na totalidade até ao final deste mês, bem como a última prestação do 13.º.

Um comunicado da Direção Nacional do Tesouro do Ministério das Finanças, distribuído hoje à imprensa, dá conta que as remunerações relativas aos meses anteriores foram já pagas na íntegra.

O documento sublinha que não existe qualquer atraso nos salários do funcionalismo público e outras prestações sociais.

A nota adianta que, apesar da conjuntura financeira, o Governo angolano tem procurado honrar satisfatoriamente os seus compromissos, com destaque para o serviço da dívida, o pagamento de salários e as despesas básicas de funcionamento do Estado, fruto de uma gestão fiscal prudencial e rigorosa.

Relativamente ao pagamento do 13.º mês, o comunicado avança que começou a ser pago, faseadamente, desde o passado mês de agosto, estando prevista a liquidação da última prestação antes do final do ano.

O Governo realça que o pagamento de forma parcelada teve como objetivo suavizar as pressões de tesouraria e evitar que ocorra um excesso de liquidez, que pudesse afetar o comportamento do índice de preços e consequentemente o poder de compra.

Devido à crise financeira que o país atravessa há mais de um ano e meio, decorrente da quebra das receitas petrolíferas, o Governo angolano já pagou o 13.º mês de 2015 em três prestações mensais.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.