Quero ser o próximo presidente da câmara de Barcelona” declarou a partir da capital catalã Manuel Valls.

O antigo primeiro-ministro francês, de 56 anos, proferiu a sua alocução no Centro de cultura contemporânea daquela cidade onde tinha nascido.

Ele que ainda é deputado pela França, pelo circulo de Essonne, periferia sul de Paris.

Valls que só aos 20 anos obteve a nacionalidade francesa fez toda a sua vida política activa neste país na ala mais à direita do partido socialista: ele foi presidente da câmara de Evry, ministro do interior, primeiro-ministro e candidato infeliz às primárias da esquerda do ano passado.

Arredado do Eliseu acabaria por se aliar ao partido do actual chefe de Estado.

Valls acabou por se implicar nos últimos tempos na luta contra o independentismo catalão e pela manutenção da região no seio da Espanha.

O partido centrista Ciudadanos promete apoiá-lo na conquista da câmara de Barcelona enquanto, a partir de França, se multiplicam os apelos a que ele se demita dos cargos políticos que mantém deste lado dos Pirinéus.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.