O Benfica estará no funeral de Robert Enke e tenciona homenagear o guarda-redes alemão, que morreu terça-feira, no jogo do Estádio da Luz com o Guimarães para a Taça de Portugal.

 

O ex-jogador do Benfica nas épocas de 1999/2002, actualmente ao serviço do Hannover 96, suicidou-se terça-feira numa passagem de nível em Eilvese, Alemanha, perto da sua casa. "O Benfica tenciona homenagear a memória de Robert Enke no primeiro jogo oficial que a equipa disputar no Estádio da Luz" [com o Guimarães para a 4ª eliminatória da Taça de Portugal], disse uma fonte do Benfica, em declarações à Agência Lusa.

Acrescentou que o Benfica estará também representado "no funeral de Robert Enke, faltando saber mais pormenores sobre a cerimónia". O sítio do clube na Internet apresenta uma faixa preta em sinal de luto junto ao símbolo do Benfica e que aparece associada a uma mensagem do presidente do clube sobre a morte de Enke.

Luis Filipe Vieira expressou terça-feira "choque" e "sentida tristeza" pela morte do antigo jogador dos "encarnados", o capitão de equipa, Nuno Gomes mostrou-se incrédulo e chocado com a notícia, enquanto o guarda-redes Moreira recordou Robert Enke como um profissional "do melhor que passou pelo Benfica".

Internacional alemão oito vezes, Enke, 32 anos, nasceu a 24 de Setembro de 1977, em Jena, na então República Democrática da Alemanha, e ao longo da sua carreira representou Carl Zeiss Jena, Borussia de Moenchengladbach, Benfica, FC Barcelona, Fenerbahçe, Tenerife e Hannover 96, no qual alinhava desde 2004.

SAPO

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.