A execução do plano a cargo do departamento de saúde pública e controlo de endemias do Gabinete Provincial de Saúde de Malanje, começou na última sexta-feira, 31 de janeiro, disse Heinor Pedro Kissanga Canda do departamento de controlo de epidemias.

“Estamos a fazer visitas em todos os estaleiros e não só onde haja comunidade chinesa para identificarmos, aqueles, que eventualmente terão chegado a esta circunscrição da província nos últimos 20 dias”, disse.

Na cidade capital, Malanje, algumas equipas de mobilizadores sociais distribuem e afixam em locais públicos folhetos com informações de medidas profilácticas e as possíveis formas de transmissão do vírus.

Até agora em Angola registou-se apenas um caso suspeito do coronavírus num cidadão chinês. Contudo os testes foram negativos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.