Página gerada às 09:45h, quarta-feira 22 de Novembro

eSPap avança com mais um projeto piloto de serviços partilhados na Administração Pública

07 de Abril de 2017, 08:47:00

A Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública quer reforçar a aposta na prestação de serviços de PMO para o sector público e vai testar a GERProj com três organizações piloto.

A solução GERProj - Gestão Estratégica de Recursos e Projetos, que suporta a nova área de Serviços Partilhados de Project Management Office (SPPMO) é uma plataforma transversal de suporte à gestão estratégica e de projetos, e combina funcionalidades da plataforma de Gestão Estratégica desenvolvida pela Marinha portuguesa com as da ferramenta de Gestão de Projetos utilizada na eSPap (Microsoft EPM 2016).

A plataforma já está em utilização na eSPap e para desenvolver esta área a entidade explica em comunicado que tem vindo a realizar diversas iniciativas, entre as quais se contam a realização de benchmarking internacional de serviços de PMO, especialmente para o sector público, preparando ainda o catálogo de serviços. 

Os três pilotos vão ter lugar na Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM), Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo (ADRAL) e Imprensa Nacional - Casa da Moeda (INCM).

Para o desenvolvimento dos serviços partilhados de PMO a eSPap tem reforçado ainda a sua relação com as Universidades e com as associações do sector, nomeadamente a APOGEP e o PMI – Portugal Chapter.

Numa primeira fase os SPPMO vão fornecer serviços relacionados com a definição do modelo de governação da gestão de projetos e o suporte metodológico e técnico indispensável à sua operacionalização, assim como o acompanhamento da execução dos projetos, o controlo da sua execução financeira, e a identificação antecipada de riscos e potenciais desvios aos planos inicialmente estabelecidos.

A médio prazo está previsto o alargamento do âmbito dos serviços às componentes relativas à gestão estratégica.

Comentários

Critério de publicação de comentários