Página gerada às 08:58h, domingo 23 de Abril

Portugal vai mobilizar fontes de financiamento para agricultura angolana

17 de Fevereiro de 2017, 14:17

O ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural de Portugal, Luís Capoulas Santos, afirmou hoje, em Lisboa, que Portugal é um parceiro privilegiado de Angola, razão pela qual nesta nova era de cooperação vão procurar fontes de financiamentos estáveis e plurianuais para o desenvolvimento de projectos no sector agrícola angolano.


O governante luso falava na abertura do segundo fórum Agricultura Portugal/Angola, que decorre em Lisboa sob lema boas soluções, boas colheitas, numa promoção do Banco BIC.


Nesta nova era de cooperação entre os dois países, o ministro Luis Capoulas Santos disse haver duas vertentes de intercambio, uma institucional e outra empresarial, porque é através da dinamização empresarial que se cria empresas, emprego, transferência de tecnologia para o sector agricola.

 

Apesar dos constrangimentos decorrentes da crise, disse, Angola continua a ser o terceiro maior mercado de exportação de produtos agrícolas, pecuários e florestais de Portugal.


A presença de centena de empresários demonstram bem o interesse em investir em Angola, por ser um pais com potencial, tem solos, agua, uma população jovem, lima, faltando apenas tecnologia, capacitação do pessoal, gestão e neste domínio Portugal pode ajudar Angola neste domínio.


Enfatizou não existir concorrência na produção dos dois países, mas sim uma complementariedade, daí ter apelas os empresários portugueses a investirem em angola.



Angop