Página gerada às 12:11h, segunda-feira 24 de Abril

SIC em Luanda deteve mais de 100 suspeitos durante a quadra festiva

11 de Janeiro de 2017, 13:33

Cento e uma pessoas, suspeitas de envolvimento em acções delituosas, foram detidas pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC), em Luanda, durante uma operação denomina Chisseque realizada antes e depois da quadra festiva (natal e ano novo)


Em declarações aos órgãos de comunicação social, o porta-voz do SIC, em Luanda, superintendente Fernando de Carvalho, informou que os suspeitos, com idades entre aos 18 e 40 anos, pertencem a vários grupos de marginais.


Das acções operacionais foram esclarecidos 34 crimes de natureza diversa, com destaque para o roubo qualificado de valores monetários no interior de uma agência do Banco de Negocio Internacional (BNI) no distrito urbano do Sambizanga, roubo e furto de viaturas para desmanche e venda de peças a retalhos.


Constam igualmente dos crimes, o roubo de pneus de viaturas estacionadas na Centralidade do Kilamba e de compressores de ar condicionado em apartamentos do Sequele, na via pública e burla com cheques sem cobertura.


Na operação, a polícia apreendeu ainda 40 armas de fogo de tipo AKM e calibre diversos, utilizados em acções delituosas,   17 viaturas de vários modelos, mais de cem quilos de liamba, 22 gramas de cocaína, 974 mil kwanzas recuperados.


Os detidos são acusadas da prática de furtos, assaltos a mão armada,  violações sexuais, burlas e distúrbios na via pública.


Os municípios de Viana, Cazenga, Cacuaco, Belas e distritos urbanos do Sambizanga, Rangel , Maianga e Samba foram os mais visados.


Considerou a situação  delituosa em Luanda como calma e estacionária.


Com mais de  seis  milhões de habitantes fazem parte da província de Luanda, os municípios de Luanda, Viana, Cacuaco, Belas, Cazenga, Talatona, Kilamba-Kiaxi, Icolo e Bengo e Quiçama



Angop